JogandoRapidinhas

Maldição implacável de Blasphemous já disponível

Título chega hoje aos consoles e PC

Blasphemous é um dos destaques indie desta semana de setembro. Chegando ao PlayStation 4, Xbox One, Nintendo Switch e PC exatamente hoje, dia 10. Brutal, implacável, sanguinolento e sombrio, o título mistura um combate baseado em Dark Souls, com um estilo metroidvania de progressão, por meio de um mundo interconectado e habilidades que devem ser conquistas para progredir por novas áreas.

O jogo é um projeto do estúdio espanhol The Game Kitchen, sendo distribuído globalmente pela Team 17. Já cheguei a comentar sobre o título aqui no site em algumas ocasiões. Dou um destaque a sua bela pixel art, que dá um charme meio original a temática do jogo. Os desenvolvedores inseriram elementos no jogo com base na própria história e folclores que existente ao sul da Espanha.

O enredo fala sobre uma maldição chamada O Milagre que assola a região de Cvstodia, e agora apenas o único sobrevivente de um terrível massacre poderá quebrar essa maldição, em posse de uma imponente espada. Uma terrível horda de monstros e seres grotescos aguardam os jogadores mais corajosos.

Para um pouco mais de Blasphemous, o site oficial é sempre a indicação que faço por aqui.

 

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios