JogandoRapidinhas

Fazendeiros do pós-apocalipse, Atomicrops invadirá os consoles no final do mês

Jogo também deixará o acesso antecipado no PC com a versão 1.0

Prepare seu saco de sementes (possivelmente radioativas) para quando o solo fértil de Atomicrops for lançado nos consoles no próximo dia 28 de maio. Aqui a jornada é sobre plantar, se casar e matar mutantes que irão invadir sua plantação toda santa noite. O título chega para PlayStation 4, Xbox One e Nintendo Switch. No PC, via Epic Games Store, o acesso antecipado termina no mesmo dia de sua estreia nas demais plataformas, com a chegada de sua versão 1.0.

O título está sendo desenvolvido pela Bird Bath Games, liderados pelos desenvolvedores indies Danny Wynne, Toby Dixon e Joonas Turner. A distribuição global ficou a carga da Raw Fury, que tem em seu catálogo diversos outros indies de sucesso e respeito, como Mosaic, GoNNER, Bad North, Dandara e muitos outros.

Atomicrops segue um estilo de jogo de ação roguelite com uma mistura de simulador de fazenda (farming simulator). O jogador está em um mundo pós-apocalíptico e você deve manter uma plantação durante o dia, enquanto uma horda de mutante irão tentar devorá-la madrugada adentro. Derrote estas pestes mutantes e as transformem em fertilizantes para suas plantas e vejo o resultado dessa prática incomum de plantação.

O jogador ainda terá uma série de upgrades que poderá fazer em sua fazenda, desde melhorar o bioma, novas ferramentas e técnicas nem um pouco seguras para melhorar ainda mais sua plantação. Dentre as demais opções de Atomicrops, também será possível recrutar companheiros animais para lhe ajudar na tarefa de manter sua fazenda produtiva, enquanto as hordas de pestes mutantes ficam a cada noite ainda mais estranhas e agressivas. Espere por incomuns, assustadores e enormes chefes.

Ah, e eu mencionei que você deve se casar? Assim terá um(a) companheiro(a) que irá lhe auxiliar no combate as hordas noturnas. Afinal, toda ajuda é bem vinda. Para saber um pouco mais de Atomicrops, siga a trilha de milhos radioativos até sua página oficial na Raw Fury.

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.