Lendo

Review DC – Lanterna Verde – Nº 01 [A Guerra dos Anéis]

Sinopse Panini: Ele é conhecido como o maior Lanterna Verde de todos os tempos! Agora, Hal Jordan e seus companheiros da Tropa vão encarar o maior desafio de suas vidas… Começa a Guerra dos Anéis! Acompanhe esta incrível batalha na nova revista mensal

A Guerra dos Anéis: Prólogo – O Segundo Renascimento: Sinceramente? A melhor revista e a melhora saga do ano de 2008! O prólogo já mostra que a saga dos aneís não é brincadeira e veio para alterar o universo dos Lanternas-Verdes. Tem elementos de sobra de tudo que vinha acontecendo há meses no Universo DC. Sinestro conseguiu forma uma tropa de Lanternas com anéis amarelos, podendo utilizar força letal – são vilões oras -, coisa que os Lanternas-Verdes não podem. Temos Íon sendo capturado e virando um novo vilão ao se misturar com Paralax, aquela mesma criatura que por anos retirou Hal Jordan do universo DC. Temos o Superboy primordial assassino e psicótico, aquele que matou um monte de heróis em Crise Infinita, incluindo Connor Kent, fugindo da prisão de OA – assustador isso inclusive. E temos lanternas-verdes morrendo aos montes logo no prólogo. E para a coisa ficar mais aterrorizante, Anti-Monitor, aquele que destruiu o multiverso e Superciborgue, são aliados da nova Tropa Sinestro. Sinceramente, uma saga arrasadora, com belíssimos desenhos, muita ação e que é impossível de achar que não vai causar grandes reformulações no Universo de OA, da Tropa dos Lanternas e do Universo inteiro da DC.

A Guerra dos Anéis: Capítulo 1 – Medo & Desprezo: A batalha no Prólogo foi violenta e trouxe inúmeras baxias, além da perde de Kyle da tropa. Os guardiões de OA começam a discutir uma profecia antiga que mostra o fim da Tropa. Hal Jordan recebe a missão de juntar o grupo de lanternas que sobraram vivos e partir para Qward, QG da Tropa Sinestro para regastar Kyle. Hal Jordan vs Íon-Paralax, ho ho ho, momento empolgante.

A Guerra dos Anéis: Capítulo 2 – Tempestado no Horizonte: A batalha pela extinção da tropa segue por todo o espaço. Os desenhos de lanternas sendo mortos e destroçados é de arrepiar. Enquanto isso, em Korugar, terra natal de Soranik Natu, Lanterna-Verde e de Sinestro, ambos se encontram para uma batalha na qual Soranik não pode vencer. Em paralelo Stel e Homem-Verde, outros lanternas famosos seguem rumo a Mogo, o planeta lanterna que de forma alguma pode ser destruido – senão a tropa cairá em ruína. E Kilowog finalmente parte de OA com seu grupo para GUERRA!!

Sensacional!!! A Melhor revista do ANO de 2008!! Amanhã, coloco no ar o review da segunda edição!

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.