JogandoRedes Sociais

Minipost | Mass Effect Andromeda – Rumo à Nexus (3)

— Miniposts são pequenos aperitivos em forma de imagens ou vídeos com pequenos textos compartilhados pelas redes sociais do Portallos. O feed (origem e ordem cronológica) destas publicações é nosso Instagram.

https://www.facebook.com/Portallos/videos/1283264328425921/

De volta!

Depois de uma pequena pausa para recalibrar o calendário de títulos que vão para review no site pelas próximas semanas, eis que consegui encaixar Mass Effect Andromeda para tal lista.

Então pode aguardar que devo falar bem mais sobre o game por aqui pelos próximos dias. Vai ter mais miniposts mostrando algumas áreas mais avançadas do game.

Mas não hoje. Por enquanto sigo mostrando um pouquinho mais da primeira missão do jogo, ainda resolvendo o primeiro problema encontrado por Ryder e sua gangue: sobreviver em um planeta de atmosfera hostil, com uma raça alienígena também hostil.

Okey, eles atacaram primeiro e iniciaram o confronto. Tudo bem, os humanos chegaram invadindo (ainda que não proposital), é verdade. Mas isso significa que Ryder & cia não deveriam ter reagidos? Complicado…

O que há no vídeo é um pouco mais do gameplay inicial do game. Nesse ponto ainda estava aprendendo a lidar com a cobertura, com as habilidades especiais nos gatilhos do controle e um pouco depois disso a comandar os membros da minha equipe para locais onde devem se posicionar.

Mass Effect Andromeda tem um esquema de controles um pouco diferente do que estou habituado, mas irei me adaptar.

http://www.facebook.com/Portallos/videos/1283265798425774/

Alienígenas

Falando nos tais alienígenas novos de Mass Effect Andromeda, olha eles aí mais de pertinho. Parecem bravos? Não sei dizer…

Esta animação já foi capturada depois do patch da semana passada, que prometeu corrigir algumas das animações da campanha, especialmente nos olhos dos personagens e na postura dos mesmos em certos momentos do game.

Como estava em uma parte muito inicial do game tenho que admitir que não senti os problemas que muitos reclamaram na semana do lançamento. De fato as animações não me incomodam em nada (por enquanto). Apenas sinto que é por causa de tanta discussão a respeito das expressões dos humanos que os jogadores estão prestando mais atenção a esse detalhe.

Eu mesmo já assisto algumas das cutscenes esperando que um personagem vá fazer alguma cara estranho ou dar aquela olhada meio sem sentido para algum lugar. Se procuramos problemas, me parece óbvio que acabamos encontrando.

Quero dizer, se fosse em um outro cenário, onde esse papo não tivesse surgido, imagino que muitos jogadores não estariam tão atento a esse aspecto do game.

https://www.facebook.com/Portallos/videos/1283268548425499/

Acidente

Eu não vou dizer exatamente o que está acontecendo aqui. Quem jogou a trilogia original deve ter uma noção do que está rolando nessa parte que parecem conexões neurais… Basta dizer que deu ruim para o meu personagem e isso causou aquilo que inicialmente achei mesmo que iria acontecer (não é um evento tão imprevisível assim). Acidentes acontecem cara, agora é bola pra frente. Hora de lidar com as consequências do ato inicial (e introdutório) do game! Mass Effect Andromeda mal começou!

https://www.facebook.com/Portallos/videos/1288722597880094/

Assistente Virtual

Explorar uma Galáxia após ter deixado seu planeta há 600 anos não é moleza mesmo. Não ajuda muito o fato das assistentes virtuais não estarem atualizadas com o fato de que algo deu errado e não há novas naves ou planetas habitáveis por perto (supostamente).

Nesse momento já estou bem a frente desse clip, mas achei legal mostrá-lo mesmo assim. É um dos primeiros momentos em que o jogador chega a Nexus, uma estação especial gigante, na qual novos personagens são apresentados a trama.

E assim, para quem nunca jogou Mass Effect na geração passada, esse é um dos momentos em que fica bem claro que boa parte da experiência do game se passa por meio de diálogos como esse, na qual o jogador quer aprender mais sobre o que está acontecendo ou sobre o universo da série em si.

https://www.facebook.com/Portallos/videos/1288750324543988/

Novos personagens

É meio que nesse momento em que muitos jogadores se deparam com o problema que existe no fato de que os humanos não são tão expressivos quanto talvez devessem ser em Mass Effect Andromeda.

A personagem Addison ao final do vídeo é um exemplo disso. E não é somente o problema com os olhos (que o primeiro patch do game aperfeiçoou um pouco), mas a forma como o personagem gesticula com seu corpo e seu rosto.

E é estranho que é mais fácil aceitar que as formas alienígenas não apresentem o mesmo estranhamento, afinal não existe algo de verdade para compararmos.

Eu gosto bastante desse primeiro momento em Andromeda, onde finalmente o jogador tem contato com os primeiros alienígenas amistosos. Talvez seja por ser um novato na franquia, mas sinto que o game vai ficando mais e mais imersivo conforme as horas vão passando…

http://www.facebook.com/Portallos/videos/1288764327875921/

Nexus

Mais um trechinho desse capítulo inicial na Nexus. E apesar de todas as críticas em torno da animação (apesar de que o meu personagem customizável tem uma boa animação na minha opinião), acho que vale a pena elogiar o trabalho de dublagem do game.

O trabalho de voz, principalmente dos alienígenas é muito bom. Dá aquele tom de personalidade que as expressões deles podem não conseguir passar. O Kesh mesmo é um personagem bacana por conta de sua voz.

Passei aproximadamente uma hora e meia explorando a Nexus, conversando com personagens e explorando as primeiras side missions do game (todo esse segmento acontece sem nenhuma combate). Após esse ponto o jogo finalmente se abre para o jogador explorar a galáxia, mas isso fica os próximos vídeos…

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios