Danger Zone 2 já disponível, e Dangerous Driving no final de 2018

A Three Fields Entertainment lançou nesta semana Danger Zone 2, que já se encontra disponível para as plataformas PlayStation 4, Xbox One e no PC via Steam. O título é uma sequência do game de mesmo nome lançado em maio do ano passado.

Danger Zone 2 chega repleto de novidades em relação ao primeiro Danger Zone. A Three Fields Entertainment parece ter escutado bastante o feedback da comunidade em relação ao primeiro título, em particular a respeito do primeiro game se passar somente em uma zona fechada para testes de simulação de colisões. Em Danger Zone 2 o ambiente é totalmente externo, com base em locais reais de grande acidentes automobilísticos espalhados por 17 locações ao redor do mundo.

Houve também aprimoramentos na física do jogo (veja aqui), deixando-a mais realista desta vez. Há também novos objetivos, novos veículos e situações ainda maiores e mais velozes do que as encontradas no game anterior. O objetivo principal, porém, permanece como no jogo original: causar destruição e caos em massa, desencadeando bônus que geram pontuações que ditam quão bem o jogador se saiu em cada um dos estágios do game.

Veículos jogáveis (Danger Zone 2)

Também é sempre interessante apontar que a Three Fields Entertainment (TFE) é um estúdio britânico independente que tem como seus fundadores os mesmos desenvolvedores que também fundaram a Criterion Games, Alex Ward e Fiona Sperry. São profissionais que estiveram diretamente ligados ao desenvolvimento de Burnout Paradise, que até hoje é considerado por muitos (eu, inclusive) como um dos melhores títulos já desenvolvido pela Criterion. Inclusive no começo desse ano, Alex e Fiona, contaram um pouco dos bastidores da criação e desenvolvimento de Burnout Paradise lá no site do estúdio, em um artigo em duas partes (aqui e aqui).

Ou seja, é por isso que existe essa sensação de que Danger Zone 2 tem uma inspiração dos tempos de Burnout. Fica claro que o orçamento do estúdio hoje, agora totalmente independente, é muito menor do que aquele dos tempos de Paradise City. Mas aos poucos a TFE tem crescido. Seu primeiro título, Dangerous Golf, teve uma boa recepção, há impressões do game aqui, ainda que muitos fãs estivessem justamente esperando um game com carros. O que veio a acontecer para valer ano passado com Danger Zone. Entretanto ainda assim o game tinha suas limitações, muito mais do que problemas em si.

Eis então que o estúdio veio a revelar no final de junho seus próximos dois projetos. Danger Zone 2 que acaba de ser lançado e que expande as ideias do primeiro game, com aquele sistema de smashbreaker que veio lá dos tempos de Burnout e também revelou que lá para o final de 2018, um novo projeto deve ser lançado: Dangerous Driving.

Muito pouco se sabe sobre Dangerous Driving, mas o que já se sabe é que este é o próximo estágio da evolução do estúdio. Será o retorno dos takedowns, boost e colisões em alta velocidade. Será que desta vez veremos o sucessor espiritual de Burnout Paradise? Certamente isso seria sensacional. A Three Fields Entertainment deve revelar e mostrar mais de Dangerous Driving muito em breve, especialmente após essa janela inicial de lançamento de Danger Zone 2. Aí vai ser o momento de trabalhar na divulgação do novo título.

Para encerrar essa postagem, deixo dois trailers de Danger Zone 2 e uma pequena galeria de imagens do game.

Galeria (Danger Zone 2)
Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
More from Thiago Machuca

Mobile | Finding Monsters Adventure agora no Google Play!

Opa, lembra de um post aqui no site lá do final de...
Read More