AssistindoSeriados

TV: Assistiu ao Emmy 2009 no domingo?

Eu não consegui assistir. Mas deixei gravando e conferi ontem o show. Foi muito mais bacana que o de 2008, mas ainda assim, como muitos sites já comentaram pela internet, a premiação tem um certo desgaste que acaba automaticamente deixando tudo muito clichê. Mas talvez não seja só isso, afinal a safra atual de séries americanas também anda um tanto sofrível. Muita coisa foi cancelada, muitas séries andam sufocadas pelo tempo (24 Horas, por exemplo) e com isso os resultados da premiação não poderiam ser diferentes.

Mas ao contrário de 2008, Neil Patrick Harris, da série de comédia “How I Met You Mother”, foi bem extrovertido na apresentação do evento este ano. Bem melhor que a turma do Reality Show do ano passado (argh!).  O musical de abertura do Emmy também ficou show!

Quanto aos vencedores, não dá para imaginar muita coisa diferente. Você nota que 30 Rock é realmente o queridinho por lá, mas não tem como negar a genialidade de Tina Fey que atua e produz a comédia. Ok, Two and a Half Man e The Big Bang Theory são engraçadas e talvez mais universais, mas 30 Rock brinca com o mundo da TV americana, é um programa 100% voltado à maneira dos EUA de comédia, é até injusto deixar 30 Rock competir com qualquer outra coisa e olha que bem fã da série eu sou. Mesmo assim Jon Cryer levando o Emmy por Two and a Half Man foi merecido.

Quanto ao resto, são muitos programas e shows que não acompanho por aqui. Na parte de séries dramáticas, não tem tanta diversidade assim. Você vê aquele monte de séries de crime, tipo CSI, e não é para ficar admirado que Mad Men tenha levado o prêmio mais importante da noite, afinal se não fosse a série “novata” (está em seu segundo ano), quem mais iria levar? Lost eu acredito que só deve ganhar em 2010, isso se o final da série for realmente fantástico. House teve um 5º ano fraquissimo. 24 Horas apesar de ter sido absurdamente bacana, não chega a ser empolgante quanto era nos dois primeiros anos. Heroes está tão ruim que nem apareceu no show. E, estranhamente, nada de Fringe ou Supernatural, o que achei uma tremenda sacanagem, já que até mesmo a atriz principal de Fringe, apareceu ao lado de Jack Bauer para apresentar um Emmy.

Não vou me aprofundar muito, até porque, não há realmente muito o que falar. Quem quiser ver a lista de vencedores, basta clicar aqui. Agora, quem quiser saber mais sobre o Emmy e uma profunda reflexão do prêmio deste ano, vale a leitura do texto da Fernanda Furquim, do blog Revista TV Séries (clique).

Fecho o post com mais um vídeo do Neil Patrick Harris, que rolou durante a apresentação do Emmy, onde eles fizeram uma montagem onde o “Dr. Horrible”, corta a transmissão do evento e faz uma sátira com a popularização da internet em pró da TV. Hilário. Quem nunca xingou aquele maldito “bufering” que atire a primeira pedra. XD

E para quem perdeu o Emmy ao Vivo, no próximo sábado, dia 26 de Setembro, às 22h, tem a reapresentação dele, com legendas, no canal Sony. 😉

Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.