JapãoLendo

Desejos, trambiques e cabelos crescidos em mais um agradável volume de Ranma ½! [Vol. 15] [MdQ]

Agradável já a começar pela capa! Achei tão bonitinha! Até agora, essa e a do volume 6 são minhas favoritas. Pela combinação de cores, provavelmente. Mas não foi só disso que gostei no #15, os capítulos foram todos bem legais. Não sei se é sempre assim e eu que tava de bom humor quando li esse agora, mas só sei que curti. Então, vamos ao MdQ!

Três mini arcos: Kuno e a espada dos desejos; King, o rei das apostas; e Ranma cabeludo. Gostei dos três! O mais legal com certeza foi ver o Ranma com aquele cabelão, totalmente fora da imagem normal dele! Me lembrou até InuYasha. Quer dizer, mais o Sesshoumaru no caso, mas enfim. E vejam se não se parece com essa imagem do protagonista de Lagoon Engine! Foi até quase a mesma pose que a Takahashi usou no quadro acima. A historinha com o Kuno for divertida e o King é irreal, com aquele visual de carta! Eu ri do personagem, ainda mais por ele só ganhar de criança e as piadas com o Ranma e o pai da Akane. Aliás, qual o nome dele mesmo?

Falando assim, é basicamente só isso o que eu tenho a dizer do volume. Um parágrafo! De fato, não tinha mais nada a comentar aqui, mas sabe que fiquei bastante encucada com o fato de eu ter gostado mais desse volume do que o normal de Ranma ½? E foi aí que me dei conta: o que ele tem de diferente dos outros mais recentes? Não houve super lotação de personagens nas histórias! A Shampoo e o Ryoga nem apareceram, e Happousai e a bisavó da Shampoo fizeram só pequenas pontas. Claro, faz sentido! Finalmente senti uma narrativa mais coesa, sem aquele monte de gente pulando nos quadros e 1o personagens em cada história. Deu até pra destacar a Nabiki, irmã da Akane, vejam só! Bem como nos primeiros dois ou três volumes mesmo, quando a história se focava mais no casal principal.

E deveria ser sempre assim? A pergunta subsequente a essa percepção que tive foi justamente essa. Será que mais gente concorda comigo ou gostam mesmo da bagunça desse mangá? Se a gente parar pra contar… Vejamos. Ranma, Genma, Akane, pai da Akane, Nabiki, irmã mais velha da Akane, Dr. Tofu, diretor do colégio, Kuno, irmã do Kuno, Shampoo, bisavó da Shampoo, Happousai, Mousse, Ryoga, Ukyo e com certeza mais alguns que esqueci. Só com eles já dá 16! Claro que alguns aí tiveram mais destaque só por um ou dois volumes, mas a maioria está por toda parte sempre. Há uma saturação nesse sentido.

Antes eu achava que o que mais me incomodava na narrativa era a falta de situações mais sérias, seja de treinamento (shonen) ou de romance (shoujo), mas depois do volume 15, vejo que não. Tudo bem não ter isso… desde que não vire bagunça, literalmente. Claro que o foco do mangá é a comédia, isso não pode se perder nunca, mas aquela coisa meio nonsense demais não é bem pra mim, não. E… é isso. Ah! Só um adendo: eu gosto da Ukyo! Não me importaria se ela ficasse com o Ranma no final, desde que a Akane ficasse feliz com o Ryoga, e não triste pelo Ranma e tal. Será que vão arranjar alguém pra ela no fim? Aliás, chutam a Shampoo com o Mousse mesmo? Hm…

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Dakini

Viciada em RPGs, sejam eles Final Fantasy e Tales of ou Mass Effect e The Elder Scrolls! Fã incondicional de animês e mangás, e ousem criticar meus favoritos sem bons argumentos! Fora isso, podem me chamar de “a dama dos wallpapers”, hahaha.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.