Dando Nota!Jogando

Need for Speed | As impressões de um ligeiro Beta!

Betas são legais, não? Este ano já tivemos um de Halo 5 Guardians, Gears of War Ultimate Edition, Call of Duty Black Ops 3, Tom Clancy’s Rainbow Six Siege, Need for Speed (na qual comentarei agora) e acabou de acabar o de Star Wars Battlefront (que comentarei logo em seguida). Será que vem mais betas por aí?

Enfim, retornando ao Need for Speed, na qual teve um período de beta curtíssimo, indo de 02 a 05 de outubro, consegui jogar um pouco do game, ainda que não tenha tido tempo de testar todas as funcionalidades e até mesmo não sei se fui até onde achei que a história da campanha em si me permitiria ir no beta. O caso é que achei que teria mais alguns dias para continuar jogando, e quando percebi que não teria já era tarde demais.

Achei curioso que o beta do game me permitiu jogar parte da campanha inicial do game ao invés de me levar diretamente para o modo online e multiplayer do mesmo, já que a finalidade de um beta é justamente testar como o game vai se comportar nestes parâmetros e em diversas plataformas, sendo que a campanha, ainda que tenha certas conexões online, pode funcionar de um modo mais isolado. No fim, perdi tempo jogando a campanha de Need for Speed e não cheguei a testar nada do multiplayer online, o que para mim é sempre um dos furos dos games mais recentes de franquias como Need for Speed. Nunca consigo apreciar mais o multiplayer do que o single player, sendo que é algo que eu gostaria de ver acontecendo. No fim, esse beta me pareceu mais uma demo.

Em todo caso, mesmo não vendo tudo que o beta tinha a oferecer, eu gostei do que vi. Pelo que andei lendo por aí, esta não é a primeira vez que a EA mistura atores reais com a franquia Need for Speed, alias videogames estão fazendo isso cada vez mais (Halo 5, Quantum Break), então não é exatamente uma novidade super impressionante, porém ainda assim, achei a transição de filmagens com atores e a transição para o jogo muito bem feita e dá uma total sensação de imersão. E como tudo indica que o game será dublado quando for lançado agora no próximo dia 03 de novembro, esse fator ficará ainda melhor pra gente.

Os atores são os personagens da história principal do game. O jogador é um personagem que nunca aparece, sempre sendo mostrado na visão em primeira pessoa, como um FPS, eventualmente mostrando as mãos para pegar algo ou cumprimentar alguém. Isso causa um efeito diferente e interessante em todo o caso. Minha única estranheza é que todos os outros personagens falam muito e o jogador, como um personagem presente em cena e vivenciando aquilo, não é interativo por se tratar de uma filmagem live action. Assim o jogador não tem liberdade para interagir em nada e nem com ninguém, apesar de todos estarem falando com ele. É um personagem que entra em cena calado e sai calado, o que me incomodou um pouco. Faltou esse poder de interação, que se fosse uma animação em CGI talvez eu pudesse ter. No fim, live action tem suas vantagens e desvantagens ainda.

Quanto ao gameplay em si, o que mais me impressionou sem dúvida alguma foram os gráficos. O visual do game beira a algo absurdamente real, tal como as fotos promocionais já alardeavam. Faz jus sim essa comparação. Há momentos ali que você não sabe se é uma textura real ao fundo ou algo em CGI que o game montou. Você não consegue essa distinção. Os efeitos de sombra e luz em uma ambientação noturna também são muito impressionantes, tais como os efeitos de chuva e pista molhada. Visualmente este novo Need for Speed dá um show que deixa meio que no chinelo alguns dos poucos games de corrida desta geração. Faz muito melhor inclusive que seu antecessor, Need for Speed Rivals.

need for speed 01

Minha única dúvida é se o jogo terá apenas ambientação noturna. O beta não apresentou, até onde joguei, ciclos de dia e noite. Achei isso estranho. A história do game também parece pedir por um ambiente noturno, mas ei, eu realmente acho uma pena que o jogo inteiro se passe a noite, seja com ou sem chuva. Corridas em dias ensolarados, em neblina e ao entardecer são importantes sim. Espero que isso esteja presente no game quando mesmo for lançado em novembro.

Em relação ao controle do carro, visão de câmera etc não tenho muito a reportar. Nada além do que se espera. Nenhum problema e nenhuma qualidade técnica que tenha destacado pra mim aqui. Consegui controlar o carro sem problemas, não perdi tanto o controle quanto costumo me perder, afinal sou um zero à esquerda em games de corrida e a câmera não me atrapalhou um segundo sequer. Tudo OK aqui pra mim.

Uma pena não ter testado nada online. Gostaria de ter competido contra outros jogadores, mas o beta já te jogava dentro da campanha single player e acredito que depois é se abriam as opções de corrida online. Não terminei a história no dia que testei e quando fui jogar de novo, o beta havia acabado. Pena.

O jogo também reforça o poder de customização dos carros, o que é algo que não tenho a menor curiosidade de mexer. Entendo que alguns jogadores adoram e passam horas criando adesivos, pintando, mexendo em status de potência e velocidade, trocando pneus etc etc etc. Putz, como eu não tenho paciência pra nada disso! Nesse ponto estou velho, quero apenas jogar e pronto, não me de uma customização complexa pois não usarei. Mas sou a favor de que tenha isso nos games atuais, claro! Felizmente sempre há a opção de customização automática. Ufa!

need for speed 02

Um último detalhe é que durante uma das missões de corrida do game, os corredores ativaram a perseguição policial. A corrida acaba, os corredores são classificados (eu fiquei em segundo nessa ocasião) e logo em seguida os corredores se dispersam, mas os policiais continuam te perseguindo. E quem disse que consegui despistar a polícia? 15 minutos fugindo pelas ruas da cidade, meio que desisti e me deixe ser capturado. Novamente, talvez eu não seja tão esperto assim, ou o jogo não soube me explicar como escapar da polícia de forma eficiente, mas acho frustrante estas situação de perseguição na qual não há muito o que fazer para escapar, exceto dirigir bem e ficar cortando ruas até a polícia desistir de você. Acho legal que haja perseguições, mas há sempre aquele ponto: o quanto elas devem durar?

Pra terminar, Need for Speed nesta nova versão de 2015 parece legal. Tenho minhas dúvidas se é um título que vale a compra agora nesse fim de ano, especialmente com tantos títulos sendo lançados e também pela Warner Brasil, a distribuidora oficial da EA por aqui, estar trazendo o game pra cá por 300 reais. Nem se fosse R$ 199 eu ficaria tentado a pegar em seu lançado, essa é a real. Tenho a impressão que a franquia hoje não é tão Top assim a ponto de estar com os grandes figurões de final de ano do mercado. Pra mim Need for Speed é uma série que se sairia muito melhor sendo lançado naquela janela entre maio a agosto de cada ano, quando não há muitos lançamentos, apenas aqueles que fazem o esquenta para o final de ano. Tenho pra mim que é uma franquia que se daria muito melhor nesse ponto do ano, ainda mais com uma sequência, que mesmo que muito bem feita, não inova necessariamente em nada.

Irei jogar, mas não nesse momento, não neste final de ano. Agora que me tornei assinante da EA Accesse comentarei mais sobre o programa aqui no site em breve – certamente é um título que tranquilamente esperaria um ano para ter de graça dentro do serviço. Need for Speed ainda é uma grande marca da EA, entretanto, não é mais o melhor game de corrida dentro de seu gênero. Eu trocaria fácil esse Need for Speed por um novo Burnout, especialmente se fosse um Paradise City 2. O que levanta a questão, o que Need for Speed realmente precisa para se destacar? Eu não sei a resposta, infelizmente. Obviamente o deixar descansar por um ano inteiro não é exatamente a resposta, caso contrário estaríamos malucos para ter este novo game da série. E não é esse o caso. Eu acho…

Graficalmente é incrível, tem como melhorar ainda mais?
A história parece interessante, ainda mais sendo um game de corrida
Live action com atores é bacana, mas limita um pouco a interação
Jogabilidade sem qualquer problema. Tudo dentro dos conformes!
O beta não passou toda a dimensão do game (talvez não devesse?)
Jogarei, mas não na urgência de seu lançamento no fim do ano

Sem dúvida o beta de Need for Speed deveria ter durado um pouco mais!

Curte do nosso conteúdo? Saiba que é possível ajudar o Portallos!
Siga-nos em nossas redes sociais: Facebook | Twitter | Instagram
(Novidade) Estamos começando, dê uma força: YouTube | Mixer
— Entre e participe do nosso Grupo de Leitores no Facebook!
Seja um apoiador no Apoia.se e tenha acesso a conteúdos exclusivos!
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e do Ponto de Checagem (2014). 32 anos, formato em Direito, vivendo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Em busca de novos apoiadores que curtam estes projetos e a viabilidade deles crescerem!
Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios