Apoie!AssistindoEditoriaisJapãoJogandoLendo

Rascunhos #1.16 | Jogando, Assistindo, Lendo e Rapidinhas!

Argh, acabei de excluir a introdução deste texto umas cinco vezes. Tenho sempre que complicar algo que estou fazendo justamente para simplificar, mas enfim. Agora vai do jeito que está!

“Rascunhos” surgiu de uma necessidade de poder comentar sobre coisas soltas aqui no site, sem a necessidade de criar um texto enorme, bem feito e redondo para cada tema. Ele pode não ter pé e nem cabeça e misturar um monte de coisas que nem sempre estão conectadas entre si. Vai ser meio baderna, combinado? E nem todos serão como o formato desta primeira edição.

Também não prometo que vire uma coluna com periodicidade. Vai ser mais um papo solto sobre o que tiver que dizer e que não anda dando tempo para construir um texto próprio, sendo que o fato de mencionar alguma coisa aqui não signifique não acabe a repetindo um justamente em uma postagem melhor, mais encorpada e específica do assunto. É justamente um rascunho de pautas para um futuro, possivelmente.

É algo muito semelhante ao que faço, por exemplo, no grupo fechado e secreto – O Clube Secreto – do Portallos. Tipo, sabe o Guia do Arquivo X postado semana passada aqui no site? Eu comentei com o pessoal lá em outubro do ano passado que faria esse post no site, com o link original do guia para eles darem uma olhada na época. Legal, não?

Hã, você não sabia do grupo secreto? Então, talvez você devesse considerar dar uma força para o site com uma pequena e honesta contribuição, qualquer moedinha é o suficiente para entrar no grupo e lá é muito legal, vai por mim. E quanto mais gente chegar, mais legal vai ficar.

Pode dar essa força? Visite a página do Portallos no Apoie ou no Patreon. Não tem cartão de crédito ou não gosta destes sistemas de ajuda? Sem problema, manda um e-mail pra mim pela página de contato que dá para fazer por depósito bancário também!

E em breve trarei mais novidades sobre o sistema de apoio e contribuição aqui do Portallos!

— Ahhh, mas eu não fiz o primeiro Rascunhos de 2016 somente para falar que estou criando um espaço para falar de coisas misturadas.

Retorno às atividades

O site ficou dois dias essa semana sem receber novos conteúdos. Desculpe por isso. A vida adulta e offline me convocou para resolver alguns assuntos urgentes e precisei ficar fora do PC por mais horas do que achei que seriam necessárias e o desgaste mental ocasionado pelo problema a ser resolvido foram maiores do que achei que seriam.

Felizmente tudo está resolvido e agora é questão de desenferrujar novamente. É engraçado como sair da rotina e interromper o ritmo já estabelecido, ainda que por míseros dois dias, é o suficiente para a gente se sentir meio perdido. “E agora? Faço novas pautas? E aquelas planejadas? E as notícias que queria comentar, deixo pra lá e fico de olho nas novas?

— Jogando

Não andei jogando muita coisa nos últimos dias, mas há coisas que joguei na virada do ano na qual ainda quero comentar e escrever sobre no site. Uma delas é que finalmente terminei Rise of the Tomb Raider e uma maratona de umas 6 horas na virada do ano. Foi uma experiência divertida que pretendo colocar no último diário da série de posts do game aqui e que será também seu review derradeiro.

O outro game que preciso rapidamente escrever sobre é White Night, um indie game que vendo alguns reviews não fiquei muito animado no começo, mas agora que o iniciei, me animei muito mais. O jogo é uma espécie de game de detetive, com uma trama paranormal e o jogo tem um design meio terror. Há anos que não tomava sustos ao jogar games, quer dizer, ficar apreensivo e tenso em situações de escuridão ou silêncio é uma coisa, mas assustar mesmo, de xingar a TV e sentir o coração pulando é outra coisa. White Night me deu um susto nas primeiras horas de game que eu depois fiquei rindo por ter me assustado. Falarei mais sobre o game em breve.

— Assistindo (seriados)

Hum… a respeito de seriados americanos não tenho muitas pautas no momento. Eu venho ensaiando há meses escrever sobre Arrow & The Flash que estou achando divertido pra caramba. Não são séries de uma qualidade sensacional, como um Demolidor ou Jessica Jones na Netflix, mas são ótimos programas de final de semana. Também gostei muito dos episódios finais da atual temporada de Agentes of S.H.I.E.L.D., que agora está em hiato mas deve voltar em breve. Grimm, na qual já falei por aqui algumas vezes também está bem divertido.

Ainda não encontrei uma nova série dessa temporada 2015/2016 que tenha me fisgado. Mas continuo dando uma olhada em coisas novas sempre que possível. Ah, deem uma olhada em Real Rob na Netflix. Se puder comece pelo episódio 4, até agora o mais hilário da pequena temporada de 8 episódios. A série é uma espécie brincadeira com a vida real de Rob Schneider, sendo que é realmente o ator interpretando a si mesmo e a esposa e filha dele na série são realmente a esposa e filha de verdade mesmo! Há episódios nem tão engraçados e algumas piadas muito ruins, mas o episódio 4 é genial. Vale a série inteira.

— Animês & Mangás

Terminei essa semana a primeira temporada de Assassination Classroom. Eu não havia curtido muito o animê quando ele estreou ano passado, preferindo mais a química e ritmo do mangá (que acompanho pelos volumes lançados no Brasil pela Panini). Porém admito que passados o episódios iniciais, o animê melhora bastante em questão de ritmo e forma como trabalha com seus personagens. O primeiro ano termina com o final das férias escolares na ilha, o que foi um ótimo final para o animê. A temporada dois começou agora este mês, mas sinceramente? Ando preferindo esperar acumular episódios para vê-los em mini maratonas de 3 ou 4 de uma só vez. Ando sem paciência para ver apenas um por semana. Semanalmente somente One Piece e olhe lá.

Me senti enganado ao começar (finalmente) Dragon Ball Super. A porcaria da nova série é então uma expansão estigada dos últimos longas da franquia? Que #$%@! Ok, há coisas legais na série, mas é muita sacanagem pegar A Batalha dos Deuses e O Renascimento de Freeza e criar uma série episódica com os filmes. Me pergunto se depois disso o enredo vai criar algo novo ou a série vai se encerrar…

Na área dos mangás a única coisa diferente do normal que andei lendo foi Ataque dos Titãs (Shingeki no Kyojin) através dos volumes lançados pela Panini aqui no Brasil. Fui até o volume 13 (último lançado até o momento) e também terminei o spin-off Revelações, que trabalhou com o passado do Levi. Comecei ontem a ler o segundo volume de Antes da Queda e em breve quero condensar tudo isso em um post solo aqui no site. Tenho muito a dizer sobre a série, ainda que imagino que quem acompanhe a história pela internet já saiba muito mais de quem acompanha pelas edições da Panini, claro.

— Lendo

Tirando o mangá mencionado na categoria acima, estou bem próximo de terminar o arco do Homem-Aranha Superior e tal como fiz com os últimos arcos da série por aqui (Brand New Day, Spider Island & Big Time), também pretendo criar uma matéria solo sobre este arco. Depois disso devo dar um pause para as aventuras do Aranha e pegar o arco de histórias do Lanterna Verde da DC Comics, pausado lá no começo dos Novos 52.

Continuo na metade do livro de Gears of War – A Prisão: The Slab! O livro é muito bom, mas é revoltante não consegui mais tempo para terminá-lo logo. Começo o capítulo 9 hoje à noite se nada me atrapalhar. Já escolhi o próximo livro após conseguir terminar este…

—Rapidinhas

… assinei o Spotify e UAU. Realmente hoje em dia a gente não precisa mais ter a posse de nada. Eu amo a nuvem e a disponibilização de tudo a um clique de distancia. Falarei mais em breve.

… descobri que muitos dos animês da 1º temporada 2016 que gostaria de assistir não estão na Crunchyroll. Muitos foram licenciados pela Funimation que trava a licença na América Latina da Crunchyroll. Que saco! Provavelmente não irei ver nenhum destes no momento já que teria que ficar baixando eles toda a semana. Talvez depois de terminarem.

… a Funimation começou seu processo de expansão e renovação de seu serviço de streaming de animês. Em fevereiro eles estreiam na Inglaterra. Muitos torcem para que eles se expandam para outros países além do idioma inglês, mas o serviço ainda não dá qualquer indicação de que isso ocorra. Seria bom ter a Funimation no Brasil, mas isso não deve acontecer tão cedo.

… sabe a reforma prometida para o Portallos agora no começo do ano? Então, está tudo quase pronto. Meio que 99% já no esquema. Provavelmente a atualização ocorra neste final de semana. O pessoal do Clube Secreto já teve acesso a algumas das telas do visual do novo site. Tá bonitão e mais compacto! Porém alguns bugs iniciais deve rolar, normal nestas situações, mas falarei mais disso depois que a atualização for realizada.

… e este primeiro rascunhos de 2016 chegou ao fim!

Não se esqueça que você pode dar uma ajuda para o site apenas comentando nos posts ou compartilhando seu conteúdo nas redes sociais e assim apresentando o site para mais pessoas!

Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Thiago Machuca

Fundador e editor do Portallos (2008) e criador do saudoso (e extinto) Fórum NGM. Tenho 35 anos, sou formato em Direito, e vivo desde sempre no interior de São Paulo (Vale do Paraíba). Casado e já papai. Games, quadrinhos e seriados são uma paixão desde a infância. Gosto de escrever e sempre estou sem tempo.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.