AssistindoEditoriaisJapãoJogandoLendo

Lista de Desejos #2: O porquinho no comando, já no início do ano! (Postão Coletivo)

Haha! Seis meses depois, cá estamos novamente! Quem já lia o Portallos na época talvez se lembre desse post que fizemos com o que queríamos comprar antes que 2010 acabasse e, bom, de lá pra cá se foi meio ano. Hora de gastar em outras coisas!! Hehe.

Bom, tivemos um bom acréscimo no número de membros, então a lista em si também ficou maior. Graças ao Dadah, porém, não precisaremos dividir o post em duas ou mais partes, já que ele descobriu essa simples e incrível funcionalidade da “tag spoiler”, que esconde o tamanho monumental do post em pequenos aglomeradinhos. Facilitará a leitura, com certeza. Ah, e já que estou agradecendo, créditos do banner logo acima são do Rackor, nosso especialista no assunto!

De fora, ficaram Meltoh, que no momento não está trabalhando e que então prefere não fazer previsões “furadas” sobre seus desejos, Pedro, que está às voltas com os eventos de animê onde monta os estandes de sua loja (mas que em breve voltará a postar com mais frequência, como já vimos hoje no post da Teresa), e nosso querido chefe, Thiago, que continua ocupado. A gente entende, né.

Enfim… maior do que isso não é bom que fique a introdução, porque o post depois do continue já é grande o suficiente, então, vamos lá!

Dakini

Retrospectiva – o que foi pra casa e o que ficou na loja!

Da minha lista anterior, nossa, de oito itens, comprei apenas quatro. Metade, mas a metade mais cara, ao menos. Dragon Quest IX saiu dos planos, Valkyria Chronicles 2 eu tive um acesso de indignação por descobrir que não tinha as vozes originais em japonês (sendo que o primeiro tem e foi com elas que joguei), então vou ser paciente e jogar em japonês mais pra frente e Donkey Kong Country Returns e Naruto Storm 2 ficaram pra esse ano como sobras do ano passado, já que usei o dinheiro para outras coisas, entre elas Demon’s Souls, que finalmente comprei, e o “extra” que paguei junto com meu PSP novo (yey!) para que viesse com Dissidia, FF I, II, Crisis Core e Tactics, Star Ocean 1 e 2 e Brave Story. Valeu a pena, haha.

Além disso, a edição de colecionador de Ys SEVEN tava nos planos e peguei, mas a de Oath in Felghana não, e mesmo assim comprei pra garantir, fora as várias camisetas do TeeFury. Enslaved e Professor Layton 3 comprei e platinei/zerei 100%, fiz Fim de Jogo dos dois também, e são excelentes!

Planejamento Nerd de Compras – fevereiro a julho!

~ Ys I & II Chronicles ~

Com SEVEN e Oath in Felghana devidamente cofrados em suas edições de colecionador, só falta mesmo esse pra completar a janela Ys de lançamentos da XSEED! Os primeiros jogos da série têm um charme todo especial, e jogá-los mais uma vez não fará mal algum. Além disso, as CE ficam bonitas na prateleira, com as lombadas se unindo e formando um desenho.

~ Dissidia [duodecim] 012 Final Fantasy ~

Comecei o primeiro Dissidia só praticamente um ano depois de seu lançamento nos EUA, ou seja, há pouco mais de quatro meses, mas me encantei com o jogo. O sistema de batalha é divertidíssimo, extremamente viciante mesmo. Duodecim, então, chega em excelente momento, juntando Lightning, Vaan, Laguna, Kain, Tifa e Yuna à equipe, tendo um modo história bem mais elaborado (teremos até world map!) e ainda por cima possibilitando que importemos os levels do jogo original. Compra certa.

P.S.: Ah, sim, e a imagem ali é da edição limitada da soundtrack oficial, que vem com dois CDs de OST, um de tracks bônus que não foram incluídas no jogo e um DVD com clipes, e a qual pretendo comprar também, embora seja bem improvável, hahaha.

~ Pokémon White ~

E não Black, porque quero o Zekrom, meu dragão/elétrico especial, e não um dragão/fogo qualquer. /flamer Terminei tudo o que tinha de “principal” pra se fazer em SoulSilver, mas não o completei a nível do que fiz em Platinum (que joguei até morrer), então não pensaria em comprar um novo Pokémon tão cedo, mas… tem tanta coisa nova nesse, e não falo só dos monstrinhos, que vai ser inevitável cofrá-lo. Fora que, como a Nintendo é sacana, se compramos um Pokémon muito longe do lançamento acabamos perdendo os lendários distribuídos por download, então…

~ Okamiden ~

Finalmente uma sequência de Okami! Sem a Ammy e com gráficos, além de não HD, piores do que os do original, mas tá valendo! Okami é um daqueles RPGs únicos em praticamente todos os sentidos, escuto a trilha sonora até hoje e me lembro de correr em Shinshu Field, Ryoshima Coast, Taka Pass… quero sentir isso de novo, mas sem ter que zerá-lo novamente, já que com 100% feitos, perde um pouco da graça explorar o mundo de novo. Okamiden vem bem a calhar então, e espero gostar da mecânica de parceiros que foi introduzida. E além do mais, stylus + Celestial Brush vai ser lindo.

~ The Legend of Zelda: Skyward Sword ~

“OH MY GOD! NOVO ZELDA!” É auto explicativo. Não há a menor possibilidade de eu não comprá-lo no lançamento, e torço mesmo pra que o Aonuma não estivesse de gozação quando disse que é pra sair no início desse ano, ou ao menos que não atrase até o Natal, quando terei muito mais coisas pra comprar.

Créditos da (muito inspirada) fanart à usuária Mizutori do deviantART.

~ Jogos de 2010 ~

Ah, o Natal passado. Deixei de comprar tanta coisa que queria que até fico deprimida pelo que “ficou pra trás”, mas os planos são recuperar o tempo. Naruto Storm 2 e Hot Pursuit são os principais “não deu, mas esse ano vou pegá-los!” da lista, mas gostaria de colocar as mãos em Donkey Kong Returns também, embora o dinheiro deste não esteja contado. Tem alguns de DS e também o Kirby, mas é, já não tenho condições pra eles também.

~ Valkyria Chronicles: Design Archive ~

Caramba, vai vir pros EUA! Anunciaram há poucos dias que o UDON, aquele estúdio gráfico que publica os livros de artworks de Street Fighter, Mega Man, Darkstalkers, Okami (esse eu tenho!), etc e tal, vai trazer essa obra prima de 400 páginas pro ocidente! Me derreto de alegria! O jogo é fenomenal, um dos melhores RPGs que já joguei na vida, e queria muito esse livro, mas na Play-Asia a versão japonesa tava 120 reais, além de já ter esgotado. Já nos EUA será vendido por mais ou menos 50 reais (!!) e eu ainda vou poder entender o que tá escrito. Imperdível, farei pré-compra na Amazon, com certeza.

~ A Batalha do Apocalipse – Edição Especial ~

Li por recomendação do Never num Livroteca aqui do blog e me apaixonei. Incrível mesmo o universo criado pelo Spohr, e assim que sobrar uma graninha pegarei a edição especial pra ler os capítulos extras e enfim guardá-la na estante. A capa dura e as ilustrações também são bem vindas, obviamente, e pelo preço de R$ 47,90 talvez seja a primeira coisa dessa lista que vou levar pra casa.

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Edições de colecionador de Ys SEVEN e Ys: The Oath in Felghana (PSP), PlayStation Portable, Enslaved (PS3), A Batalha do Apocalipse (Livro), Demon’s Souls (PS3), Dissidia: Final Fantasy (PSP), camiseta Serenity Sake do TeeFury e a rede extra grande do meu quarto, que é ótima pra jogar videogame ou tirar uma soneca.

Alexandre “Pikachu”

Retrospectiva – o que foi para casa e o que ficou na loja!

Da minha lista anterior, consegui obter todos os itens pretendidos. Exceto por um, que era o mais caro de todos eles: o Apple TimeCapsule. Ele pode esperar por um bom tempo, devido ao alto preço da criança, acho melhor esperar um pouco mais.

Dos jogos que planejava, comprei todos: WET, Brutal Legend e Dragon Quest IX, que considero a melhor aquisição do ano passado. Além do Beatles: Rock Band que provou ser um bom jogo e melhor ainda podendo cantar com a ajuda dos microfones Singstar. Só me falta um microfone, uma bateria e uma guitarra/baixo a mais para a banda ficar completa.

Os mangás também comprei todos os planejados e pude completar a coleção de Gantz na FestComix. Além de – por milagre  – minha coleção de Naruto que começou a caminhar a pouco tempo, pôde ser completada com edições que estavam bem difíceis de serem encontradas.

O que vem por aí – fevereiro a julho!

~ Pokémon Black ~

Pokémon Black & White estão chegando, e eu decidi que Black será minha versão, tudo para combinar com meu DSi preto. Pode parecer frescura, mas não achei justificativa melhor, pois para mim, tanto faz o dragão do jogo, mas achei este mais imponente, hehe. E bem, a Dakini, uma parceira de jogatina pokémon terá a outra versão, então melhor obter objetos de barganha, hehe. Planejo pegar o quanto mais cedo, para poder aproveitar bem o jogo, mas buscar um bom preço, pois é muito raro eu comprar jogos em lançamento.

~ Gran Turismo 5 ~

Já esperei tempo demais para comprar esse jogo, não aguento mais de ansiedade, mas não gosto de pegar jogos em lançamento, mas abro excessões para alguns jogos, e GT5 é um must-have para donos do PS3, bora adquirir o meu.

~ Donkey Kong Country Returns ~

Gostei bastante do jogo que pude curtir no evento, e ganhou mais pontos ainda por permitir jogatina cooperativa, e após terminar o último jogo cooperativo maestramente com Resident Evil 5 Gold Edition no PS3, peguei gosto por me divertir com a esposa, pena que são tão poucos jogos que permitem jogatina no mesmo console, seja split-screen ou não, atualmente os jogos cooperativos têm se focado online, uma pena, por isso, o lugar ao sol deste game está garantido.

~ God of War 3 ~

Ainda nem terminei os GoW 1 e 2, mas já preciso garantir o 3, para tentar terminá-los em sequência, pois a terceira aventura de Kratos parece ser belíssima, e olha que joguei apenas o demo mal-acabado, e jogando os anteriores poderei ver bem nitidamente a evolução do jogo.

~ Prince of Persia – Trilogy ~

Três jogos que ainda não joguei e que tenho muita vontade, pois são revoluções de sua época. Como na época de seu lançamento estudando e na pindaíba, não pude me dedicar aos games, fiquei sem ver muitos jogos, e conto com relançamentos como esse para poder aproveitá-los. E eu prefiro jogos na caixa do que comprar jogos digitais, portanto terei que comprar a edição européia, além de sair mais barato.

~ Big Bang Theory – 3ª temporada em blu-ray ~

Adorei a série, acabei por assistir meio sem querer, comprei já a primeira e a segunda temporadas no Brasil em DVD, mas desta vez decidi por comprar a versão americana na Amazon.com, e, como confirmei, o BD tem legendas em PT-BR, o que o torna mais atraente, e se tornaria assim a primeira série importada que teria, que pelas imagens que vi parece ser muito melhor que as nacionais, sem sombra de dúvidas.

~ Mais mangás ~

Em julho tem novamente o Anime Friends e lá estarei eu novamente para me divertir, e aproveitar os bons descontos em mangás. Dessa vez penso em terminar a coleção de Fullmetal Alchemist, além de iniciar e já concluir a de Yu-Gi-Oh, além de terminar minha coleção de Naruto e tantas outras inacabadas, mas veremos se consigo guardar dinheiro o suficiente para isso.

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Resident Evil 5: Gold Edition, o meu querido celular com Android Sony Ericson Xperia X10, Mario Kart Wii e o belíssimo Dragon Quest IX. Edição européia em digibook do CD duplo do Avantasia , The Wicked Symphony e Angel of Babylon, e uma coletânea dos Beatles em digipack, RED+BLUE.

Theo

Retrospectiva – o que foi pra casa e o que ficou na loja!

E seis meses passaram voando! Senti até uma pontada de tristeza ao ver que da minha lista original eu tenha cofrado apenas os livros (que ainda nem comecei a ler!) e dois jogos (Mass Effect 2 e Sonic the Hedgehog 4: Episode 1 pra iPhone). O box com todas as temporadas de Friends eu percebi que não valia o preço que estava sendo vendido, já que se trata apenas de discos requentados em uma embalagem nova. Adiei a compra também na esperança de sair uma edição definitiva. E a coleção completa de Lost parecia que estava tudo certo, mas sabe-se lá porque a minha pré-venda foi cancelada pela Amazon. Mas não desistirei e também pretendo comprá-la mais pra frente.

Mas em compensação, acabei cofrando várias outras coisas: um Xbox 360 Slim (já que o meu antigo acabou morrendo no final do ano), uma TV LED pra sala, um aparelho de blu-ray, vários filmes em BD (inclusive aquela maleta estilosa de A Origem), a edição de luxo da trilha sonora de Tron: Legacy e a edição de colecionador de Bioshock 2. Algumas comprinhas digitais também: alguns cds no iTunes e jogos pro iPod Touch. Ah, sem esquecer do meu Imagem & Ação No Limite, jogo de tabuleiro divertidíssimo!

O que será cofrado nos próximos meses?

~ Dead Space 2 ~

Dead Space 2

O original foi um dos jogos mais assustadores do ano passado (aprenda com eles Resident Evil 5!) e logicamente essa sequência parece estar ainda melhor! Se pra terminar o primeiro jogo eu levei mais de um mês e jogando apenas de dia, em quanto tempo irei terminar Dead Space 2? Quem topa um bolão?

~ Bulletstorm – Edição de Colecionador ~

Tá, o jogo parece ser divertidíssimo. Adorei o fato dele estar focado apenas na diversão do mata-mata e premiar a criatividade nas mortes. Os gráficos estão competentes e o modo online promete me deixar viciado por meses. Mas esqueça tudo isso e lembre-se que a edição de colecionador do jogo VIRÁ COM ACESSO À BETA DE GEARS OF WAR 3! Apenas isso. Obrigado.

~ Câmera fotográfica ~

Eu, como publicitário, preciso muito de uma boa câmera. A minha atual (uma Sony DSC-H9), apesar de cumprir bem seu papel, começa a dar sinais de envelhecimento. Também sinto falta de lentes intercambiáveis e um flash externo, para a brincadeira ficar mais divertida. Não coloquei um modelo específico aqui, pois ainda estou na pesquisa de qual comprar, mas sem dúvida será uma Nikon ou uma Canon.

~ iPhone 4G (ou o próximo lançamento da Apple) ~

Mimimimacfagmimimi. Podem falar o que quiser, mas a Apple acertou em cheio com o iPhone. Eu fui tentar ir na direção contrária e peguei um celular com Android e, putz, que decepção! Esperava algo bem diferente e peguei um OS travadaço e bem complicado de se familiarizar. Ainda estou me acostumando com ele, mas já estou planejando a troca. O iPhone além de ter apps bacanas e jogos excelentes, é um celular que impõe respeito. Posso não comprar um ainda este ano, mas que estou economizando pra ter um em mãos o quanto antes, isso é certo!

~ Filmes e séries em blu-ray ~

Não estava muito convencido do poder do blu-ray até que vi com meus próprios olhos um filme em alta definição. É de encher os olhos a quantidade de detalhes e a qualidade da imagem! Tenho meu aparelho de blu-ray por menos de um mês e já comprei sete filmes em BD. Estou mais do que convencido que essa é – por enquanto – A Tecnologia em filmes. Não tenho títulos em mente, mas pretendo ir aumentando cada vez mais a minha coleção de filmes em HD!

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Raquete elétrica mata-mosquito, Enslaved (X360), cd 21 da cantora Adele, Bejeweled 3 (PC), Imagem & Ação No Limite e camisetas da Red Bug.

Eduardo “Never”

Introdução!

Bom, eu não sou muito consumista, na verdade as únicas coisas que me fazem gastar o meu rico dinheirinho são livros, equipamentos de informática (de modo geral) e comida. Principalmente comida! Sério, o pior é que é de pouquinho em pouquinho e nem percebo o quanto gasto na comilança. E como não posso colocar aqui que desejo comer uma acarajé por dia vou listar apenas os itens das duas primeiras categorias (livros e informática) e também alguns DVDs.

Obs.: o Gerador de Improbabilidade Infinita não consta na minha lista pelo simples motivo do mesmo não estar à venda em nenhuma das galáxias que aceitem cartão de crédito. Caso contrário, seria o primeiro item da lista!

Planejamento Nerd de Compras – fevereiro a julho!

~ Livros ~

Nesse ano, pretendo comprar dois boxes. O primeiro é de ficção científica, a Trilogia Fundação de Isaac Asimov, que venho há muito tempo namorando, mas acho que ainda está meio caro e creio que vou acabar comprando a edição antiga mesmo, sairia muito mais em conta. O segundo box é um romance medieval, a série Crônicas Saxônicas do escritor Bernard Cornwell, cinco livros que estou querendo há muito. Além disso, pretendo terminar a Trilogia do Sprawl e também comprar o segundo volume de A Guerra dos Tronos que, se não me engano, deve sair no segundo semestre. Caso tenha ido com a minha cara e queira me presentear é só clicar nesse link aqui e conferir a lista completa do livros que desejo.

~ Informática ~

Quanto à informática, minha prioridade, agora, é comprar um headphone novo e umas caixas de som melhores. A caixa que estou usando é bem meia-boca e o meu headphone está funcionando apenas um dos lados e o microfone já não funciona. Depois disso quero comprar um HD Externo de no mínimo 1 TB para armazenas os meus arquivos, estou pensando em comprar, na verdade, um HD de notebook e um case com porta USB, será muito mais econômico. Fora isso, sendo mais otimista, eu gostaria de comprar ainda um laptop e um roteador para mim.

~ Trilogia O Senhor dos Anéis – Edição Estendida ~

Geralmente eu faço meu próprio DVD, por isso eu não sou muito de comprar os que vendem nas lojas. Contudo, tenho que confessar que estou babando por essa edição de O Senhor dos Anéis, mesmo tendo demorado tanto pra sair. Será aquisição certa, mas creio que não tão em breve quanto eu gostaria que fosse. Sem stress, se não puder pegar por agora é até bom, assim eu compro com uma provável promoção de “O Senhor dos Anéis + O Hobbit”.

~ DVDs de séries e animes ~

Ainda tem alguns DVDs que eu gostaria de ter na minha estante, mas realmente não dou prioridade a isso. Séries como, por exemplo, Battlestar Galactica, Prinson Break, Fringe, Band of Brothers, dentre outras. Game of Thrones também, dependendo de como será, poderá entrar nessa lista. Alguns animes como Elfen Lied, Fullmetal Alchemist Brotherhood, Hellsing (com OVAs) e Death Note eu também gostaria de ter os respectivos DVDs.

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Os livros A Batalha do Apocalipse (Eduardo Spohr), Neuromancer (Wiliian Gibson) e 1984 (George Orwell). Um processador Intel Core 2 Duo e uma placa de vídeo GeForce 9500GT.

Rackor

Planejamento Nerd de Compras – fevereiro a julho!

~ Ipod Touch Geração 4 ~


Esse daqui eu já tenho namorado faz um tempo. Ultimamente com a proximidade do fim do ensino médio pra mim, e consequentemente do vestibular, tenho passado a maior parte do tempo na escola, e esta carga horária só tende a aumentar. Com isso comecei a usar meu Ipod Touch como nunca, fazendo tudo nele, inclusive o usando de plataforma para alguns jogos. Os problemas são somente que: meu Ipod Touch atual é Geração 1, por mais que funcione direitinho, sempre bate aquela vontade de ter um modelo mais novo, e ainda mais que esta edição não oferece suporte a certos apps e jogos, coisas que tenho utilizado incessantemente. E o problema crítico: não tenho acesso a internet com ele. O bichinho aparentemente veio com um problema de fábrica de uma leva de Ipods e como eu não usava a internet, nem o mesmo frequentemente no início, nem suspeitei muito do problema. A surpresa veio mesmo quando levei na assistência técnica, e foi o confirmado que o problema era na “placa lógica” do aparelho e que o conserto custaria cerca de 400 reais. Nem precisa dizer que eu não consertei, né? No mais, de lá pra cá, meu colégio implantou um sistema de Wi-Fi que possibilita o uso dela facilmente no aparelho.

~ PS3 + Marvel Vs Capcom 3 ~


Vontade eu sempre tive de ter um PS3, porque o PS2 eu joguei muito foi na casa de amigos já que não possuía o console, mas nunca tive tanta vontade como agora. Marvel Vs Capcom é uma das maiores frustações que eu tenho por nunca ter tido nenhum jogo da série, apesar de já ter zerado na casa de amigos, e de vez em quando bater um contra eles. Somado ao fato que não toco no meu Wii por um tempo, e que não tenho achado quase nenhum lançamento realmente surpreendente nesse meio tempo, e de praticamente todos os jogos de luta que eu gosto de jogar só estarem disponíveis em consoles HD… Bingo! Apesar de ainda achar que a lista está meio incompleta, é um jogo que tenho muita vontade de jogar, sem contar o SF VS TEKKEN que vem por aí, e várias outras franquias que eu adoro como Disgaea, Castlevania, sem contar as novas séries e grandes jogos que só saíram nos HDs. Me sentiria um gamer perneta se não tivesse o PC…

~ Mangás! Gantz, Trigun Maximum & xxxHolic ~


Gantz e Trigun são duas séries que sempre ouço falar bem, e me interessam muito. Já peguei ambos primeiros volumes na Comix, que devem estar a caminho, para ter o gostinho de tudo. O fato de às vezes “sumir” alguns volumes aleatórios das lojas especializadas da Panini também acelerou o processo. Holic era obrigação, pois acompanho Tsubasa já faz tempo, e cada vez mais viro fã da série. Já li emprestado de uma amiga, até o 14 se não me engano, e gostei muito da série, só estava faltando mesmo “oportunidade” de começar. O probleminha vem em achar o volume #1 que não encontrei até agora para comprar, mas a busca vai continuar!

~ Jogos de PSP! Hype no céu! ~


Fiquei muito tempo sem comprar jogos físicos, e com isso minha lista só acumulou e cresceu. A última coisa que tenho jogado no PSP é Disgaea 2,e fora ele estou com o FF Tactics na geladeria atualmente. A lista de desejos é gigante mas os principais são Dissidia 012, que depois de jogar a demo, a vontade só aumentou, KH Birth By Sleep, fanboy da série desde que joguei na casa de um amigo, compro todos os jogos da série para consoles que eu possuo, GoW Ghost Of Sparta, porque o outro de PSP deixou um gostinho de quero mais, e a série Ys (Seven, Oath in Felgana, e o I&II Chronicles) porque jogar RPG “correndo” é uma das coisas que mais gosto de fazer, por isso adoro action RPGs.

Ainda tenho a vontade de jogar os 2 Personas (os remakes do 1 e do 3), porque a série é uma das mais cultuadas, e já passou da hora de jogar algum jogo da série, Valkyria Chronicles 2, eu já gostava do jogo, mas a demo me deu uma perspectiva bem melhor da mecânica pela qual me apaixonei, e finalmente God Eater Burst, mais por causa da grande semelhança com Monster Hunter, mas o jogo tem lá o seu charme, se tivesse online/algum amigo pra jogar era certeza. Mas estes só com um precinho bem camarada pois não são prioridade.

~ Kingdom Hearts Re:Coded & Pokémon White ~


KH como eu disse acima eu sou fanboy, mesmo se o jogo for muito ruim (o que eu não creio que será pior que o 358/2) eu comprarei. Já Pokémon White é uma compra também meia de olhos fechados, mas como acompanho as notícias fervorosamente por ser fã da série desde que o cartucho da versão Yellow foi inserido no meu Game Boy Color, será uma compra bem aguardada.

As inovações que trará pra série, as novas mecânicas online, os novos golpes que mudarão o cenário competitivo, e o Zoroark são motivos bem fortes pra comprá-lo, se não bastasse isso ainda temos triple battles, minigames e o inovador Dream World com conexão com os PCs. Vai ser épico.

~ Série Dragon Age ~


Eu sempre gostei da história de “escolher” o que vai acontecer em Mass Effect, mas prefiro muito mais os mundos medievais com magias e dragões do que tecnologia de ponta com aliens, então quando soube de DA um tempo atrás quis comprar o jogo. Porém começaram a pipocar informações de uma Ultimate Edition compilando o jogo original e sua expansão e decidi esperar. Agora com a proximidade do segundo jogo, o momento me parece estremamente propício para a compra!

~ A saga de Hal Jordan! Lanterna Verde! ~


Há alguns meses caí num link aleatório de quadrinhos americanos, e citaram “Blackest Night” com uma pequena sinopse e discussão sobre a história, como desde pequeno fui fãzinho do Batman fui procurar pra saber o que era. Eu me impressionei com a história, já que assumidamente sempre fui meio fora desse universo dos quadrinhos, acredito que pela mesma dificuldade que muitos encontram: por onde começar?

Depois de ler bastante coisa, sobre a profecia do Blackest Night feito por uns aliens do setor 666 (me corrijam se estiver errado), e sobre o universo e mitologia dos laternas, além de sinopses de grandes sagas como a Sinestro Corps War, me convenci que deveria começar a ler os quadrinhos. Este link aqui me deu uma ajuda gigantesca, me situando bem nas coisas, e até com o guia “Must Read” para acompanhar a saga de Hal Jordan pegando seus pontos mais importantes. Minha preferência é pelos encadernados americanos, porque não tenho a menor vontade de correr atrás de edições soltas aqui no Brasil, além de serem mais em conta no chamado “paperback”, que é a capa mole, e oferecer também a opção de capa dura para maioria dos títulos, que eu talvez compre para encadernados de maior importância como o principal da Noite Mais Densa.

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Camisa “Who watches the Empire?” do TeeFury, Disgaea 2, No More Heroes 2, Negima até a edição atual, C&C 3 e Red Alert, Just Cause 2, Batman Arkham Asylum, Mass Effect 1 & 2, Super Meat Boy & Sakura Card Captors Vol. 1 (na verdade este último eu não comprei, foi o Fabio da equipe que me deu de Natal, mas é de loge o melhor da lista).

Fabio Franco

Retrospectiva – minha vida de gamer em 2010!

Como ainda não fazia parte da equipe na época do post anterior, não pude participar dele. Então, resolvi usar este espaço para compartilhar o que rolou de importante na minha vida ano passado — em matéria de jogos, é claro.

2010 foi um ano muito bom para mim neste aspecto, pois finalmente consegui comprar um console HD e entrar de cabeça nesta geração de videogames. Como fã da Nintendo, comprei um Wii em 2007 e, a princípio, fiquei bastante animado com seu potencial. Porém, após me decepcionar várias vezes com a direção com a qual a Big N conduzia o console e perceber que ele estava mesmo destinado a ser excelente para a empresa e péssimo para seus fãs, comecei a juntar dinheiro para cofrar um PS3 e uma HDTV. Consegui esse feito apenas em 2009, e menos de 2 meses depois fui obrigado a vender tanto o combo em questão, quanto meu Wii, DS e vários jogos para ajudar a contornar um revés financeiro aqui em casa. Felizmente, tudo mudou em 2010: juntando aos pouquinhos, com muita paciência e grande ajuda da minha mãe (que é “boba” e se sentia endividada comigo), comprei uma TV nova, um Xbox 360, um PS3 e um PSP!

O PSP foi cofrado no Natal e, devido a problemas com a loja, só o recebi este mês, portanto ainda não tive tempo de usufruir direito dele, mas meus cartões da Live e da PSN (aqui e aqui) mostram o quanto me diverti ano passado com títulos como Bioshock, Left 4 Dead, Gears of War, Blue Dragon, Resonance of Fate, BlazBlue e vários outros! O que não se vê em meus cartões são jogos muito recentes, pois possuir vários consoles e chegar atrasado pra festa em todos eles tem seu preço — ainda mais pra um gamer de classe média que se recusa a juntar-se à turminha do tapa-olho e perna-de-pau. Minha wishlist é enorme e, como muitas vezes é possível comprar até 3 jogos antigos pelo preço de um lançamento, acabo trocando o prazer de desfrutar de um game no auge de sua hype pelo de me sentir mais perto de completar minha coleção. Uma pessoa especial está me convencendo a rever este conceito, mas este semestre as “velharias” ainda prevalecem em minha lista de desejos. Então, sem mais delongas, vamos a ela!

Planejamento Nerd de Compras – fevereiro a julho!

~ CEs de Ys I & II Chronicles, Ys: The Oath in Felghana e Ys Seven ~

Pouco sabia da Nihom Falcom e de sua principal franquia antes de ler esse incrível post feito pela Dakini ano passado. Joguei o sexto título da série, Ys: The Ark of Napishtim, para PS2 e, apesar de alguns fãs terem me dito que não se trata do melhor deles, eu adorei. Além disso, o simples fato de tantos amantes de RPG que respeito — como a própria Dakini — falarem tão bem de Ys é o bastante para despertar meu interesse e colocar a franquia no topo da minha lista de desejos.

As versões para PSP são as definitivas e o trabalho de localização da XSEED é admirável, principalmente nas edições especiais ilustradas acima, abarrotadas de extras e encapadas em caixinhas especiais que ficam lindas lado-a-lado na prateleira — o bastante para deixar qualquer colecionador de RPGs que se preze maluquinho! Eu tenho “invejinha” do Dadah e da Dakini, que já possuem essas pérolas em suas coleções, e só não comprei ainda por falta de cartão de crédito internacional, mas pretendo fazer isso o mais rápido possível, antes que acabe e eu fique sem. Ah, e quero aquele mapa do Seven na minha parede! =P

~ Novas versões de jogos de PS1 para PSP ~

Apesar de não ser páreo para o DS neste quesito, o PlayStation Portable possui uma ótima biblioteca de jogos originais. O já mencionado Ys Seven, Half-Minute Hero, Jeanne d’Arc, Crisis Core: Final Fantasy VII, Kingdom Hearts: Birth by Sleep, Patapon e Metal Gear Solid: Peace Walker são apenas alguns exemplos. Porém, por mais interessantes que esses jogos sejam, o principal motivo que me levou a adquirir o console — e a achar que valia a pena fazer isso, mesmo com o 3DS e o PSP2/NGP a caminho —, foi o fato dele ser, atualmente, o rei dos ports e remakes de RPGs.

Além da possibilidade de baixar clássicos como Grandia, Suikoden, Wild Arms e Final Fantasy — que ficam ótimos na telinha ninja do aparelho — através da PlayStation Network para jogar onde quiser, são inúmeros os títulos de PS1 e PS2 que receberam novas e, na maioria dos casos, aprimoradas versões para o portátil da Sony. Dentre eles, os seis que citarei a seguir se destacam como compras garantidas, e têm prioridade absoluta na minha lista de desejos.

  • Star Ocean: First Departure e Star Ocean: Second Evolution: Após jogar Star Ocean: Till the End of Time, que pra mim é um dos títulos mais subvalorizados da geração passada, virei fã de carteirinha da tri-Ace. Concordo com os críticos sobre a maioria dos jogos da empresa conterem falhas e não possuírem enredos tão bons, mas os sistemas de jogo e, principalmente, de batalha de seus games (tirando Radiata Stories) são, pra mim, inigualáveis no mercado. Muita gente também argumenta que o infame plot twist de SO3 (que eu curti, aliás) destruiu o universo da franquia e estragou a experiência de jogar os primeiros títulos da série. Eu, entretanto, não dou a mínima pra isso, e não vejo a hora de adicionar esses dois remakes à minha coleção!
  • Valkyrie Profile: Lenneth: Novamente, como todo fã da tri-Ace que se preze, não posso deixar de ter este título na minha prateleira. Perdi a chance de comprá-lo na época do PS1 e tive que ficar babando nos leilões do Ebay que anunciavam as raras cópias remanescentes por mais de 200 dólares. Achei que nunca ia poder jogar esta preciosidade, mas, felizmente, os deuses dos games intervieram e me deram uma segunda chance através deste port para PSP. Não posso desperdiçá-la!
  • Final Fantasy Tactics: The War of the Lions: A versão original deste jogo foi ao mesmo tempo o segundo RPG (o primeiro foi Final Fnatasy VII) e o primeiro jogo de estratégia que eu joguei em consoles. Era tão noob na época que não sabia inglês e tive que usar um cheat de dinheiro infinito para conseguir zerar. Mesmo assim, curti tanto o jogo que até hoje sou apaixonado por SRPGs e o considero um dos melhores (se não o melhor) do gênero. Esta nova e definitiva versão para PSP proporcionará a oportunidade de me redimir pela trapaça anterior e apreciar de verdade tudo que a jogabilidade e o enredo têm a oferecer.
  • Shin Megami Tensei: Persona: SMT é outra franquia que me envergonho em dizer que conheci muito tarde — porém não tarde demais, rá! Após me apaixonar por Persona 3, decidi comprar todos os MegaTens disponíveis nos EUA, e nada melhor do que começar pelo primeiro título do spin-off que me introduziu à série (agora livre das pataquadas que fizeram na localização da versão americana de PS1).

~ Nier ~

Estou interessado neste jogo desde que li esse preview feito pela Dakini para o outro site no qual ela trabalhava na época — sério, ela tem um dom pra te convencer a jogar/assistir/ler/fazer algo (pergunte aos vários integrantes da equipe que ela converteu a fãs de Firefly e Enslaved XD). Devido à minha mania de querer colecionar todos os JRPGs que são lançados nos EUA, Nier já estaria na minha lista de qualquer jeito. Porém, após conferir o trailer e um review, me apaixonei pelo jogo, e espero poder cofrá-lo o mais rápido possível. Não curto muito os múltiplos finais e o fato de ser preciso jogar várias vezes para entender completamente o enredo, mas as inúmeras qualidades do game — incluindo uma das personagens mais interessantes que vi nos últimos tempos — mais do que compensam esta e outras possíveis “falhas”.

~ Uncharted: Drake’s Fortune e Uncharted 2: Among Thieves ~

Já disse várias vezes e repito: Bioshock e Uncharted são minhas maiores surpresas da geração até agora. Joguei Drake’s Fortune de cabo a rabo no meu PS3 antigo antes de precisar vendê-lo, e farei o mesmo no console novo assim que conseguir achar uma cópia barata do game por aí (impressionante como ele ainda não está na casa dos US$20, mesmo sendo de 2007). De quebra, pretendo cofrar também a edição Game of the Year do segundo jogo, que parece ser ainda melhor que o primeiro.

~ Castlevania: Lords of Shadow ~

O tal “amor à primeira vista” é, na minha opinião, uma das maiores palhaçadas já inventadas. É impossível se apaixonar de verdade por uma pessoa antes de conhecê-la por inteiro — defeitos e qualidades — e conviver com ela. Acredito, porém, em atração à primeira vista, e foi justamente esse efeito que Castlevania: Lords of Shadow causou em mim desde o primeiro trailer que vi. Tinha um certo temor de o jogo ser apenas mais um clone de Kratos, mas o review do GameTrailers (que eu assisti sem som a partir da metade porque o cara só falava besteira) me convenceu que não é. Se vou me apaixonar pelo game? Não sei, preciso conhecê-lo melhor, e o primeiro encontro será marcado em breve! =P

~ Alan Wake ~

O mesmo que disse sobre Lords of Shadow e minha atração desde o primeiro trailer vale para Alan Wake. Me arrependo de ter sido muquirana e não ter comprado este game no lançamento, pois até hoje tenho muita vontade de jogá-lo. Parece ser exatamente meu tipo de jogo, e um dos raros remanescentes de qualidade do gênero nesta geração. Ah, como eu queria que Silent Hill voltasse a ser o que era antes… Aliás, queria também que a Microsoft tomasse vergonha na cara e desse uma injeção de ânimo em seu console, pois além deste jogo, apenas Gears of War 3, Mass Effect (que eu prefiro jogar no 360 por causa do primeiro jogo) e os três Halos que ainda não tenho me interessam. A lista de lançamentos exclusivos para este ano é ridícula! Mas, voltando ao assunto do post, pretendo comprar Alan Wake o quanto antes, nem que seja a versão nacional com aquela presepada na capa. Queria mesmo era a linda e original edição de colecionador ilustrada acima, mas essa vai ser difícil de conseguir.

~ Deus Ex: Human Revolution ~

Queria fechar a lista com pelo menos um futuro lançamento, mas confesso que foi bem difícil escolher. Vários me interessam, mas nenhum a ponto de me fazer trocar a compra de 3 jogos antigos por ele. Dragon Age II seria o título escolhido, mas como eu ainda nem comecei o primeiro e é o tipo de game gigante que leva eras pra completar, duvido que vá comprar o segundo antes de agosto. Optei, então, por Deus Ex: Human Revolution, muito em função daquele famoso trailer da E3 2010, que deixou meio mundo de boca aberta. A ambientação, o enredo e os gráficos parecem ótimos, só resta saber se a jogabilidade — o mais importante — está a altura. Se estiver, eu cofro com prazer!

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

PlayStation 3; PlayStation Portable; os quatro JRPGs que sonhava ter para PS3: Eternal Sonata, Resonance of Fate, Star Ocean: The Last Hope International e Valkyria Chronicles; Fallout 3 Game of the Year Edition (PS3), que finalmente consegui achar na ShopTo; Dragon Age Ultimate Edition (PS3), que estou doido pra jogar graças aos hypers @r1ck182 e @raphaelmazzaro; Demon’s Souls; um headset da Sony para PS3, que eu não vejo a hora de usar; e um ventilador de teto pro meu quarto, que está me ajudando muito a não derreter nesse calor infernal do Rio!

Wendel “K o n S a m a”

Retrospectiva? Nenhuma, e depois dizem que dinheiro não é importante!

Rá! Estreando nos posts de desejos da equipe, embora isso seja um tanto irônico, afinal, no momento não encontro nem uma borboleta amassada na carteira para dizer que tenho algo nela, logo, não tenho muito o que contar sobre o que comprei no ano passado, mas prometo que até o fim da minha parte eu me lembrarei de algo.

Planejamento Nerd de Compras – fevereiro a julho!

Meu planejamento vem desde o meio do ano passado para falar a verdade, mas como só agora as coisas foram melhorar, então posso finalmente tirar o atraso, a minha lista de games é tão grande que talvez ela seja maior que a minha lista de animes pendentes para assistir, logo, deixarei aqui apenas o essencial, então vamos a eles.

~ Games atrasados ~

Não tenho como precisar as datas de quando vou comprar cada um, tudo o que eu sei é que o primeiro atraso que vou tirar é o da série Uncharted, é inadmissível um proprietário de PS3 nunca ter jogado essa franquia, com aquele pack da Sony chegando eu é que não vou perder a chance, tem também Batman Arkham Asylum que quero jogar antes de Arkham City, com a franquia Dead Space rola o mesmo filme, depois de jogar a versão do PC, virei fã à primeira vista da franquia, mas antes preciso jogar o primeiro, Mass Effect 2 então nem se fala, é outro que joguei a demo e fiquei muito indignado por não ter um dinheiro sobrando para conferir, enfim, ano passado foi um ano bom e ao mesmo tempo nefasto para o meu bolso, pois apesar de adquirir um PS3, ainda não pude aproveitar o melhor que ele tem a oferecer, a ideia é tentar mudar esse cenário este ano.

~ L.A. Noite ~

Estou de olho nesse jogo desde que soube da utilização da tecnologia de motion capture para fidelizar as expressões dos atores, gostei bastante de Red Dead Redemption e acho que a Rockstar vai repetir o sucesso do ano passado com esse jogo, espero poder conferi-lo logo no lançamento.

~ Gen – Pés Descalços ~

Podem falar o que for da editora Conrad, mas é inegável que foi ela quem deu início ao cenário de mangás que temos hoje no Brasil, alguns podem até falar das primeiras edições de Akira e Crying Freeman pela editora Globo lá no tempo das cavernas, mas lembremos que essas séries foram simplesmente canceladas sem prévio aviso na época, exatamente pelo fato de ninguém querer saber de leitura, não que isso tenha mudado muito hoje em dia. Gen Pés Descalços é um dos primeiros mangás que a Conrad trouxe para cá, trata-se de uma história sobre a guerra travada pelos EUA e Japão durante a Segunda Guerra Mundial, onde os EUA massacravam o exército japonês que tirava comida da boca de seu próprio povo para investir na guerra, ludibriando não só seus soldados, como também simples civis, pais de família, professores, crianças e adolescentes com uma idéia de falsa glória, quem fosse contrário era tratado como lixo ou traidor. Neste cenário temos Gen, um garoto que vai viver o dia da queda da bomba atômica que lhe tirará uma parte de sua família e o fará renascer para contar os horrores da tragédia, baseado em uma história real, Gen tem 4 volumes , dos quais eu só cofrei o 1º no finzinho do ano passado, quero ver se encontro o resto ou pela internet ou em uma banca esperta lá no bairro da Liberdade.

~ Musashi ~

Este livro é algo obrigatório que tenho de ter em minha nem tão vasta biblioteca de livros, dificilmente um livro me prendeu tanto quanto este aqui, antes dele, só o que se encontra logo abaixo, Musashi é de uma beleza sem igual, transcrita totalmente em palavras, é incrível a quantidade de detalhes dentro deste livro, a leitura não só te embala em meio aos personagens e a história como também nos faz tentar imaginar como eles e o ambiente em que se passa a história deviam ser na vida real, atualmente estou lendo no meu Iphone, mas quero comprar os dois livros para ter como recordação em casa.

~ O Diário de Anne Frank ~

Aqui está outra obra obrigatória, para quem tem curiosidade em saber mais sobre o que as pessoas na década de 40 viveram durante a Segunda Guerra Mundial, a leitura de O Diário de Anne Frank é indispensável, com uma trama envolvente, altamente dramática e às vezes até um pouco humorada, mas o principal de tudo: é verdadeira, não me estenderei muito sobre o assunto, pois já fiz um post sobre o livro, que vocês podem conferir aqui, este é mais um livro que li na íntegra através do meu Iphone, mas quero tê-lo guardado na prateleira como lembrança.

~ Mangá de Lost Canvas ~

Como fã ardoroso de Saint Seiya é uma lástima não estar acompanhando a série Lost Canvas, não tenho um volume sequer, pois na época estava cofrando o Episódio G (que a Conrad passou a tesoura), assim que puder pretendo fazer uma limpeza em um daqueles estoques em desconto em eventos e levar a coleção toda de uma vez só, quem sabe não rola até um MdQ futuramente?

~ Livro Redes de Computadores de Andrew Tanenbaum ~

Uma das poucas coisas boas que aconteceram no meu último emprego (na área de informática) foi conhecer um supervisor de projetos que me deu muitos conselhos. Quando disse que gostaria de seguir a área de Redes, ele me indicou este livro, que segundo ele tem uma linguagem mais amigável e nem tão técnica, perfeita para quem está começando e quer ingressar na área, como pretendo no meio do ano entrar na faculdade e cursar Redes, este livro vai ser um dos meus materiais preparatórios para o que devo enfrentar quando a hora chegar.

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Ah é, eu tinha dito lá em cima que até o fim desta postagem eu me lembraria de algo, bem, ano passado eu comprei um Iphone 3G (grande responsável pela quebra do meu caixa em 2010), cansado de comprar “xinguilinguis” de dois chips, investi em algo de qualidade (apesar de já ultrapassado) e não espero gastar com celular de novo tão cedo, também pude juntar um dinherinho para comprar um PC semi novo aqui para casa, o que me rendeu mais tempo na frente do meu próprio PC (aleluia irmãos), não posso esquecer do meu roteador meia boca da D-link que me ajuda a distribuir internet para os dois computadores aqui em casa + PS3 + Nintendo Wii + Iphone 3G, melhor só se ele fosse gerenciável, mais isso fica para uma outra vez, quem sabe quando eu der de cara com um pote de ouro no fim do arco-íris.

Igor “Dadah”

Retrospectiva – o que foi pra casa e o que ficou na loja!

Dos seis items que pretendia comprar revendo a antiga lista, acho que posso dizer que consegui comprar três. O item mais caro da lista, a Fender Stratocaster do Rock Band 3 foi a maior decepção… porque não saiu! Previsão de março apenas… quase desisti, mas ainda pretendo comprar. Os clássicos da Square na PSN acabei deixando de lado, optei por pegar originais da própria PSN. Mas se chegar mesmo Xenogears e Vagrant Story, vai para o topo da lista. =P RPGs de PSP foi complicado, comprei apenas o Valkyrie Profile: Lenneth, o resto não baixou o preço (Persona, tsc tsc) e alguns já são raros infelizmente (Disgaea 2). Falha total. Pelo menos comprei os Ys’s (culpa da Dakini!), que adorei, apesar de jogar pouco.

Agora a parte boa. Gran Turismo 5, como havia dito minha primeira edição de colecionador, com certeza é um belo jeito de começar. Ainda não tive tempo para o livro, mas o Nissan é muito legal, e o jogo bem completo, demanda muita dedicação. Ponto alto foi correr online de Fiat 500 contra Lamborghini’s e Ferraris. =P Quanto ao futebol eletrônico, acabei por escolher PES em detrimento de Fifa, não consegui negar minhas raízes… ‘Mixed’, boas e más surpresas. E por último, Kingdom Hearts: Birth By Sleep comprei mas não joguei ainda infelizmente. No fim das contas acabei por comprar outras coisas, mas nunca fiquei sem algo divertido para jogar, o que é muito bom.

Planejamento Nerd de Compras – fevereiro a julho!

~ Tactics Ogre: Let Us Cling Together ~

Final Fantasy Tactics foi um dos jogos que mais acumulei horas (e a versão PSP tá na fila de jogos, me esperando). A equipe de desenvolvimento é a mesma responsável por esse Tactics Ogre, originalmente lançado para o Super Nintendo. Pronto, compra certa para mim. O fato de ter o envolvimento do Matsuno (Final Fantasy XII e Vagrant Story) e que não faz mais parte da Square Enix (infelizmente) é outro grande atrativo. No jogo existem várias histórias paralelas, e a possibilidade de voltar a todos os pontos de decisão e poder tomar um caminho diferente (se não me engano apenas após terminar o jogo pela primeira vez). Tem uma relação entre as cartas de Tarot que vem com o jogo em pré-venda e as escolhas no início da aventura, mas sinceramente não achei grande coisa (a versão européia se sai melhor). Para quem gosta de RPG estratégico (se você tem um PSP a chance é boa, já que existem vários ótimos games dessa categoria), é uma ótima pedida.

~ The 3rd Birthday ~

Jogo que seria lançado originalmente para celulares, acabou sendo migrado para o PSP. Para quem não reconhece o nome, se trata do mais novo Parasite Eve, com Aya Brea voltando como protagonista. Como curti muito a primeira versão, e moderadamente a sequência, tenho ótimas expectativas para esse 3rd Birthday. Continuando no mesmo esquema de RPG voltado para ação, não tem erro. A Famitsu deu nota 36 de 40, isso se voce ainda considera os critérios deles, com tanto jogos recentes recebendo altas notas (e alguns bem dúbios). Mas pelo menos é um bom indicativo, não?

~ iPad 2 ~

Vou ter que juntar uma boa grana até o lançamento (possivelmente nos primeiros meses de 2011 ainda). Tive a oportunidade de utilizar o iPad do serviço por dois meses (temos um para desenvolvimento lá), e descobri que é perfeito para o meu tipo de uso. Nem é questão de hype ou por ser Apple, mas à noite gosto de ler notícias deitado no sofá, às vezes na cama, e com o notebook é difícil conseguir uma posição confortável. Literalmente usava o iPad todos os dias da semana. A tela multitouch e os aplicativos, se você já usou com alguma frequência o iPhone ou iTouch, não vai ser muito além do esperado (exceção do aplicativo Flipboard, ele sozinho quase vale a compra do aparelho). E agora com os rumores fortes de duas câmeras, com uma frontal para o Facetime, e muitos dos problemas que sempre acompanham a primeira versão de qualquer eletrônico novo resolvidos, acredito ser um bom momento para adquirir um. Vai doer no bolso (é o preço de um bom notebook), mas valerá a pena. Se alguém tiver interesse de um artigo sobre ele no estilo do Kindle pode avisar nos comentários que eu pensarei seriamente em fazer =) (só questão de arranjar tempo mesmo =P).

~ Ys I & II Chronicles ~

Pessoal já comentou sobre essa edição especial, então não tenho muito a acrescentar. Gostei da qualidade das outras edições de colecionador (SEVEN e Oath in Felghana), e também vai ser minha primeira experiência com os primeiros jogos da série. Se forem tão divertidos quando o pouco que joguei dos mais recentes, com certeza vale a pena.

~ Firefly ~

Série de ficção científica de Joss Whedon (Buffy e Angel) lançada em 2002, e que durou apenas 14 episódios por causa da baixa audiência. Mas fez sucesso absoluto quando lançada em DVD. Muitos culpam a Fox pelo cancelamento precoce da série (episódios exibidos fora da ordem planejada, interferências nos roteiros, etc). Enfim, se quiser saber tudo sobre Firefly leia esse artigo do Thiago (ainda na versão antiga do Portallos =)). Com o Thiago sempre falando bem, o pessoal da equipe assistiu recentemente e comentou no fórum interno que curtiram, resolvi ver o primeiro episódio e realmente é muito bom.

~ Neuromancer ~

Esses três últimos itens da lista vieram diretamente de indicações da equipe, sempre bom contar com opinião de quem tu conhece para achar conteúdo de qualidade. Neuromancer foi comentado pelo Eduardo neste artigo, onde ele faz um bom trabalho em te passar a idéia do livro e te deixar com vontade de ler. Não passem batido pelo link no final do artigo para o primeiro capítulo completo, depois de ler tinha certeza de que compraria Neuromancer!

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Pro Evolution Soccer 2011, edição de colecionador de Gran Turismo 5, controle remoto blu-ray e headset 2.0, alguns RPGs antigos, todos para PS3, Nintendo DSi XL e o blu-ray Scott Pilgrim vs. the World.

Mauri Link

Retrospectiva – o que foi pra casa e o que ficou na loja!

Olha só, da minha lista anterior, somente o HD externo não chegou ainda, mas era o item menos importante no fim das contas. A lista não se tornou uma lista Epic Epicness, mas uma Epic Win de respeito!

Agora é continuar a trabalhar duro para materializar a nova lista, pois em time que está ganhando não se mexe!

Planejamento Nerd de Compras – fevereiro a julho!

~ Marvel vs. Capcom 3 – PS3 ~
Um dos jogos mais esperados dos últimos 10 anos, e muito mais do que isso! Como fã tanto da Marvel quanto da Capcom, é um jogo obrigatório, que me fez desistir até de comprar o Super Street Fighter IV. MvsC3 possui um elenco de lutadores bem diversificado, além de que eu tenho certeza que muitos personagens (como o Mega Man, Sentinela, Howard The Duck ou o cachorro zumbi) serão disponibilizados futuramente por DLC.

~ Killzone 3 ~

Tá aí uma série que sempre me interessou, mas nunca joguei muito. Só um pouquinho do primeiro Killzone, ainda no PS2. Killzone 2 passei longe, infelizmente os CoD não me deixavam me interessar o suficiente pelo segundo capítulo da saga. Mas estou bem empolgado com que vi de Killzone 3, desde a localização total em PT-Br até o sistema multiplayer que me parece bem diversificado. Aí quem sabe eu me empolgo pra valer e dou uma chance pro Killzone 2. Alguém tem um baratinho aí pra vender por sinal?

~ The Legend of Zelda: Skyward Sword + Ocarina of Time 3DS ~

A Lenda de Zelda chega aos seus 25 anos com um currículo perfeito, com todos os seus jogos sempre muito bem avaliados tanto pelo público quanto pelos críticos. Zelda é mais que um jogo, é uma experiência imersiva, e Skyward Sword promete muitas novidades, um enredo importante para a mitologia da série, e uma jogabilidade inigualável. Já o remake para 3DS é um velho sonho que se torna realidade, jogar o melhor jogo de todos os tempos em qualquer lugar, e pasmem, melhorado!

~ Nintendo 3DS ~

Sem dúvidas, o lançamento do ano. O Neo Geo Pocket da Sony vai honrar a tradição e continuar de gandula, pois a bola da vez é e sempre será um portátil da Nintendo. Nada no mundo é capaz de superar os títulos de sucesso  que somente a Big N pode proporcionar, e ainda por cima em 3D! Mais do que adicionar profundidade aos jogos, o 3D vai mudar a maneira como os jogos são desenvolvidos, criando assim novos tipos de jogabilidade e interação com o jogador. Longa vida ao rei dos portáteis!

~ Mesa Digitalizadora ~

Para finalmente desenvolver minhas habilidades com ilustrações de maneira digital, uma mesa digitalizadora bem básica já vai ser suficiente, e vai garantir uma carga de experiência antes que eu consiga manusear aquelas mesas Cintiq de 20 mil reais! Mal posso esperar para conseguir desenhar meu primeiro Wolverine de forma totalmente digital!

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Os dois volumes de Scott Pilgrim, os livros A Batalha do Apocalipse e O Fascinante Império de Steve Jobs, Blu-ray Planeta Hulk e Gran Turismo 5.

Paulo “PRLS”

Retrospectiva – o que foi pra casa e o que ficou na loja!

Da minha lista anterior, consegui obter poucos dos itens até o dia de hoje e um deles ainda não sei se consegui ou não, pois comprei no dia do jogo justo e não recebi ele ainda, no caso o Castlevania – Lords of Shadow para o meu PS3. Dos itens não “games” que eram somente dois, os DVDs 4, 5 e 6 The Lost Canvas (CDZ) e Guia do Mochileiro das Galáxias Vol 6 eu consegui somente os dvds, o livro até hoje não achei nas lojas on-line. Dos games a situação foi um pouco diferente, não consegui quase nenhum, mas isso porque acabei comprando outros e deixando que os preços destes abaixem um pouco. Mas cofrei Sonic the Hedgehod 4: Episode I (PS3) e The Sly Collection (PS3) que estavam na minha lista. Outro que não pude comprar, mas devido ao jogo não ter saido até hoje foi PixelJunk Shooter 2.

Algo que posso comentar com orgulho que acabei comprando ao invés de muitos dos games que estavam na lista foi o kit nacional do Kinect logo após o lançamento e por um preço convidativo e não pelo preço abusivo que algumas lojas colocaram no lançamento.

O que vem por aí – fevereiro a julho!

~ Pokémon Black & White ~

Ainda estou na dúvida se pego o Pokémon Black ou o Pokémon White que estão chegando agora em março. Como o Alex vai pegar uma versão e a Dakini a outra, poderei ter os Pokémon que precisar trocando com eles XD mas estou com uma inclinação para pegar o Black também, assim como o Alex. Pretendo pegar no lançamento, como fiz com o Pokémon HeartGold ano passado e aproveitar logo as novidades.

~ Golden Sun: Dark Dawn ~

Já deveria ter comprado este jogo, pois zerei os primeiros Golden Sun da época do GBA e jogar este agora é mais do que uma obrigação como gamer, é voltar ao universo da série e jogar com os filhos dos heróis daqueles games, 30 anos no futuro juntando novamente os djinns e vivendo novas aventuras e jogando tudo isso no meu DSi e não mais no GBA SP.

~ Prinny 2: Dawn of Operation Panties, Dood! ~

Mesmo não terminando o primeiro ainda, gostei do estilo do jogo e da jogabilidade do mesmo, se bobear faço uma maratona para terminar o primeiro e pego o segundo pra jogar na sequência uma hora dessas, até porque dá pra baixar ele pela PSN como fiz com o primeiro. Este lance de fazer maratonas foi o que me fez comprar os dois Bioshock no ano passado…

~ PixelJunk Shooter 2 ~

Espero que dessa vez saia de verdade e não fique somente na promessa como aconteceu nos últimos seis meses.

~ PlayStation Move Heroes ~

Pretendo pegar ele quando conseguir comprar o PlayStation Move, pois sou fã assumido de Ratchet e quero ver se vai ser bom mesmo este título que combina heróis de três franquias ou se vai ser somente uma junção sem pé nem cabeça.

~ Saldão de games que não comprei ~

Agora vem muita coisa que passou batida, muito estavam na lista do ano passado e outros entraram há pouco tempo:

– Castlevania: Lords of Shadow (que está a caminho se tudo der certo)
– Metroid: Other M
– Naruto Shippuden: Ultimate Ninja Storm 2
– God of War: Ghost of Sparta
– Star Wars: The Force Unleashed II
– Dragon Ball: Raging Blast 2
– Need For Speed: Hot Pursuit
– Borderlands (Game of the Year Edition)

Latest & Greatest – as últimas melhores coisas que compramos!

Prince of Persia Trilogy, Super Mario All Stars – 25th Anniversary – Limited Edition, Kinect Sensor e Assassin’s Creed Brotherhood (PS3).
Etiquetas
Isso também pode lhe interessar

Dakini

Viciada em RPGs, sejam eles Final Fantasy e Tales of ou Mass Effect e The Elder Scrolls! Fã incondicional de animês e mangás, e ousem criticar meus favoritos sem bons argumentos! Fora isso, podem me chamar de “a dama dos wallpapers”, hahaha.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Dê uma ajuda ao site simplesmente desabilitando seu Adblock para nosso endereço.